O que é um podcast? E como ele pode expandir o alcance da sua rádio

podcast_banner

 

De lá pra cá a chamada “podosfera” cresceu não só em número mas em variedade de podcasts diários, semanais, mensais ou sem qualquer regularidade. O formato também se popularizou bastante porque, antes do streaming se popularizar, nem todo mundo tinha fácil acesso às altas velocidades da internet banda-larga. Por isso, baixar um podcast para ouvir nos celulares e MP3 players era  muito mais fácil. Prática que perde cada vez mais espaço já que hoje em dia é muito mais fácil simplesmente “dar um play”.

Com possibilidades infinitas de temas, os podcasts podem ser educativos, informativos, humorísticos ou de qualquer tipo. E quanto à duração? Desde bate-papos rápidos de cinco, dez, quinze minutos até profundas discussões de duas, três, quatro horas.

Como dá para perceber, um podcast não é limitado por definições de frequência, duração ou temática. Muita gente encara ele como um blog, que também não precisa se prender a nenhuma destas categorias. Mas isso não significa que estes aspectos não vão afetar o produto final. Se você lança um podcast a cada dois meses fica bem fácil de ser esquecido na imensidão da rede. E se o tema é chato, a edição não é boa ou a conversa não anda é bem possível que os ouvintes desistam na metade.

No caso de quem já possui uma rádio, contudo, o contexto muda. Há quem erroneamente pense que uma mídia naturalmente acabe concorrendo com a outra, mas o que acontece é justamente o contrário: Elas se complementam. Isso acontece justamente por causa das diferenças entre um programa comum de rádio e um podcast previamente gravado e editado. Enquanto um programa de rádio se destaca pela instantaneidade e a possibilidade de uma programação ao vivo, um podcast traz muito mais preparação antes de seu lançamento, então vale a pena apostar nesta característica.

A boa notícia é que a ferramenta podcasts funciona há algum tempo para o site administrável dos clientes BRLOGIC. Identifique como os pontos fortes (aprofundamento nos temas, edição do áudio e possibilidade de gravar com antecedência) podem ser aplicados na sua rádio. Se interessa em explorar ao máximo este recurso? Nós temos algumas ideias:

  • Se você entrevistou alguém e o papo foi longe, pode passar uma parte da entrevista na programação e disponibilizá-la na integra em forma de podcast
  • Se a rádio é educativa, um podcast é a maneira ideal de aprofundar um tema complexo
  • Não importa o tema, o podcast é o melhor lugar para um debate estilo mesa redonda mais profundo e sem interrupções 

Como já foi dito em outros posts aqui no blog: não se prenda, aproveite a liberdade que o meio traz, mas não use isso como desculpa para qualquer coisa.  As possibilidade são muitas, mas é sempre importante ressaltar que o podcast perde a instantaneidade do ao vivo, então use-o com parcimônia. Prontos para explorar esta ferramenta?