Os melhores fones de ouvido para estúdios de rádios – Parte 1

Os melhores fones de ouvidos para estúdios de rádios

Entretanto, muitas vezes um dos equipamentos mais simples é negligenciado, o que pode acabar trazendo consequências trágicas para o resultado da locução e de todo o conteúdo transmitido na rádio. Este equipamento é o fone de ouvido, que é o responsável direto por nos mostrar o resultado do nosso trabalho.

Não adianta gastarmos todo o nosso orçamento em mesas de som, placas de captura e microfones se o fone de ouvido que escolhermos não for capaz de reproduzir o resultado da mixagem de forma fiel e transparente.

E é por isto que decidimos fazer este guia, que está separado em duas partes. Ele será o seu passo inicial na escolha de um bom fone de ouvido para a sua rádio. Nesta primeira parte iremos explicar os tipos mais comuns de fones de ouvido (Também chamados de headphones), e quais os tipos mais recomendados para um estúdio de rádio. Por fim, na parte 2, iremos listar os melhores modelos de fones de ouvido para um estúdio de rádio, levando em consideração aspectos como fidelidade, preço e qualidade de construção.

Os tipos de fones de ouvido

Existem duas características de fones de ouvido que podem ser detalhadas: tamanho e tipo de parede lateral.
No que se refere a tamanho, fones de ouvido podem ser Circunaurais – Os famosos headphones -, Supra-aurais, os populares intra-auriculares e os clássicos earbuds. Quanto a parede lateral, podem ser abertos ou fechados. Abaixo detalhamos separadamente estas características, que serão cruciais na hora de escolhermos o modelo correto.

Tamanho dos fones de ouvido:

Circunaurais: Também conhecidos como over-ear, são os famosos “headphones”, ou seja, os fones de ouvido que ficam ao redor de toda a orelha. São normalmente os modelos mais confortáveis e com maior fidelidade. A maioria absoluta de fones de ouvido recomendados para estúdios de rádio se encontram nesta categoria.
Prós: Fidelidade, conforto.
Contras: Falta de mobilidade.
Fone de ouvido Circunaural

 

Supra-aurais: São os fones de ouvido “da moda”. Os famosos Beats se encontram nesta categoria. São fones ainda relativamente grandes, porém não ficam ao redor da orelha como os Circunaurais. Normalmente possuem um acolchoamento único, ficando encostados sobre as orelhas. Existem vários modelos de qualidade excepcional nesta categoria, mas não espere conseguir ficar o dia inteiro no estúdio utilizando um fone destes. Como os drivers estão encostados diretamente sobre a orelha, fones de ouvido desta categoria tendem a gerar um certo incômodo após algumas horas de uso.
Prós: Fidelidade, mobilidade.
Contras: Falta de conforto.
Fone de ouvido Supra Aural

Intra-auriculares: São os fones mais utilizados atualmente, também conhecidos como in-ear. Acompanham os smartphones e são vendidos em todo lugar. Normalmente possuem um jogo de borrachas que podem ser trocadas para se adequar ao tamanho da cavidade auricular do usuário. Possuem qualidade de som razoável já a preços bem baixos, e ótimo isolamento acústico. Como são equipamentos pequenos, são normalmente frágeis.
Prós: Mobilidade, grande quantidade de opções disponíveis.
Contras: Fragilidade.
Fone de ouvido In-Ear

Earbuds: São os fones de ouvido de formato mais clássico. Antes dos in-ear, eram o modelo mais popular devido ao seu preço reduzido e facilidade de se levar a qualquer lugar. Por uma limitação mecânica, são normalmente os que possuem a menor fidelidade e isolamento mais deficiente.
Prós: Mobilidade, preço.
Contras: Fragilidade, baixa fidelidade.
Fone de ouvido Earbud

Fones de ouvido abertos X Fones de ouvido fechados

Além do tamanho, também podemos categorizar os fones de ouvido entre abertos e fechados. Veja as diferenças entre eles:

Fones de ouvido abertos: A grande maioria dos fones de ouvido aberto possuem tamanho Circunaural, porém existem várias exceções, principalmente no tamanho supra-aural. Este tipo de fone de ouvido se caracteriza por (veja só que surpresa) serem abertos no lado oposto dos drivers (os alto falantes). Esta característica é importante, porque os drivers reproduzem o som tanto na parte da frente (voltada para os ouvidos) quanto para a parte de trás. Este som no sentido contrário não é desejável, e pode fazer as paredes do fone vibrarem, trazendo imperfeições ou então ressaltando demais alguma frequência específica. Nos fones abertos isto não acontece, pois o som acaba “vazando” pela abertura, e não transforma a energia acústica em mecânica novamente. Isto se traduz em um fone de ouvido com resposta mais fiel ao sinal “original” e normalmente com um ótimo palco sonoro. Como é aberto, o som “vazado” pode incomodar aos que estão no mesmo ambiente ou até mesmo atrapalhar a captação do microfone.
Prós: Fidelidade, palco sonoro.
Contras: Vazamento de som.

Recomendação: Este tipo de fone de ouvido é recomendado para estúdios de rádio, porém é necessário cautela. Evite usar o volume deste fone muito alto, pois o vazamento de som poderá ser captado pelo microfone durante uma locução, gerando ecos e microfonias. Se você realiza poucas locuções e dá preferência a mixagens de sons gravados, é uma ótima escolha.

Fones de ouvido fechados: A grande maioria dos fones de ouvido de todos os tamanhos se enquadra nesta categoria. Por serem fechados, possuem um ótimo isolamento acústico e raramente deixam o som “vazar”. Também são normalmente os fones de ouvido que possuem uma maior ênfase nas frequências mais graves. Não possuem um palco sonoro tão bom quanto os fones abertos, e em alguns casos a fidelidade pode acabar sendo prejudicada, porém existem modelos excepcionais, e é aqui que a grande maioria dos fones para estúdios de rádios se encontra.
Prós: Isolamento, versatilidade.
Contras: Palco sonoro fraco.

Recomendação: Este é o tipo de fone de ouvido utilizado na maioria dos estúdios de rádio, por aliarem durabilidade, qualidade de som e isolamento acústico. Devido as paredes fechadas, alguns modelos podem ressaltar frequências não desejadas. Por isto, pesquise muito bem antes de adquirir um modelo.

Com estas informações, você já saberá identificar um bom modelo para o seu estúdio!

Para facilitar ainda mais, confira a segunda parte deste post com as indicações de fones de ouvido mais utilizados em estúdios de rádios e com o melhor custo benefício.

Interessado também em descobrir quais são os melhores fones de ouvido para estúdios de rádios? Então clique aqui para acessar o post!

Quer mais dicas de equipamentos para seu estúdio? Fique de olho aqui no nosso blog e nas nossas redes sociais, como Facebook, Instagram e Twitter . E se você quer mais dicas para sua web rádios, se inscreva também em nosso canal do Youtube clicando aqui!

  • Maravilha ! Isso é de fato muito importante. O bom equipamento sempre faz grande diferença. E as dicas é sempre algo fundamental.