Os melhores microfones para estúdios de rádios – Parte 1

Microfone Dinâmico

Neste artigo explicaremos quais são os diferentes tipos de microfones, e quais são os mais indicados para sua produção e bolso. Mais especificamente, nesta primeira parte iremos falar sobre os microfones dinâmicos! Suas características, particularidades e recomendações.

Ah, e antes de dar continuidade a leitura é importante darmos o crédito. Este artigo foi majoritariamente escrito pelo nosso amigo e parceiro de longa data, Rafael Schimidt, da Rádio Conectados. Nós já escrevemos um post completo sobre a Rádio Conectados aqui no nosso blog, e recomendamos a leitura!

1. Microfones dinâmicos

Os microfones dinâmicos são mais simples, resistentes e mais versáteis, além de terem um custo reduzido. A captação é direcional e quando o som atinge o diafragma de um microfone dinâmico, ele faz a bobina vibrar em relação ao imã que existe dentro (na cápsula) do microfone.

1.1. Estúdios

Os microfones dinâmicos têm uma captação menos sensível e acabam sendo mais resistentes, estruturalmente falando. Assim, o fato dos microfones dinâmicos serem menos sensíveis pode nos trazer várias vantagens, como menos microfonia, ou uma resistência maior a um ambiente com volume excessivo. Caso você não tenha tratamento acústico em
sua sala, estúdio ou home estudio, vale a pena investir em um microfone dinâmico.

1.2. Externas

Os microfones dinâmicos são os indicados para transmissões externas por captarem o som de forma direcional. Exemplos: transmissões esportivas, tanto nas cabines quanto nos campos dos estádios. Para reportagem, os repórteres utilizam deste microfone para direcionar a voz a ser captada, intercalando a própria voz com a do entrevistado.

1.3. Instrumentos

Caso precise captar o som de um instrumento para a sua transmissão, o microfone dinâmico é o mais indicado. No caso de uma entrevista com um cantor/músico, você poderá usar um microfone para a voz e outro para captar o som do violão ou outro instrumento. Desta forma você consegue modular em sua mesa de som a voz e o instrumento.

1.4. Modelos de microfones dinâmicos com boa qualidade e preços acessíveis disponíveis no mercado:

1.4.1. Microfone Dinâmico Shure SV 100

O Lyric SV100 é o microfone mais econômico da Shure e oferece excelente qualidade para quem procura um microfone com preço competitivo e ótimo custo benefício.

1.4.2. Microfone XM-8500 – Behringer

Som e confiabilidade tornaram o ULTRAVOICE à escolha para vários profissionais. Seu padrão cardióide polar rejeita com eficiência sons vindo de trás e dos lados, tornando-o especialmente seguro contra microfonias.

1.4.3. Microfone Vocal Dinâmico Cardióide SM-58 LC – Shure

O microfone vocal lendário SM58 da Shure foi desenvolvido para uso vocal em apresentações ao vivo, reforço de som e gravação em estúdio. Sua resposta vocal ajustada é uma referência mundial para canto ou fala. Um filtro esférico embutido de grande eficiência minimiza os ruídos de vento e respiração.

1.4.4. Microfone XM-1800S – Behringer

O Behringer XM1800S microfone de mão dinâmico é projetado para lidar com grande carga de trabalho sem sacrificar a qualidade de áudio. O padrão polar supercardióide é mais eficaz na minimização de ruídos e áudio fora de eixo que pode causar feedback.
Este modelo é vendido em kit, uma maleta com três microfones, o que faz deste modelo ainda mais interessante, não apenas pelo custo, mas também por sua capacidade de captação e baixo ruído.

Obs: Os microfones dinâmicos não necessitam de alimentação phantom power como os microfones condensadores, mas vale a pena utilizá-los com cabos XRL-XRL sempre que possível, assim evitando ruídos causados pelos conectores P10, no caso de um cabo XRL-P10.

E aí, as informações foram úteis? Então não perca a próxima parte deste artigo, pois iremos falar dos microfones condensadores, os queridinhos dos estúdios de rádio!

Já sabe tudo sobre os microfones? Então clique aqui para aprender um pouco mais sobre quais os melhores fones de ouvido para os estúdios de rádio!